Obras de engorda da praia de Ponta Negra devem começar em 2020, diz secretário

(Foto: Giovanni Sérgio)

A Secretaria de Obras Públicas e Infraestrutura de Natal (Semov) apresentou, nesta quarta-feira (18), o projeto do engorda da praia de Ponta Negra, para recuperar a faixa de areia que foi perdida com o avanço do mar. O titular da pasta, Tomaz Neto, falou sobre os planos da prefeitura para aumentar a distância entre o mar e o calçadão durante audiência pública na Câmara Municipal.

“Fizemos vários estudos ao longo dos anos e descobrimos que a melhor alternativa para a praia é a engorda, que dará uma maior segurança para todos e nos dará uma faixa de praia de mais 30 metros, possibilitando os esportes náuticos e protegendo a nossa praia de futuras erosões”, disse o secretário.

A obra de engorda deve iniciar em 2020, após a conclusão dos serviços de enrocamento que ainda faltam. Segundo Tomaz Neto, a prefeitura está em contato com os técnicos do Instituto de Defesa do Meio Ambiente (Idema) para a liberação dos serviços, que englobam dois quilômetros de enrocamento. Todo o processo custa cerca de R$ 56 milhões e necessita de parceria entre o Governo Federal e a gestão municipal.

A reunião teve participação de moradores e comerciantes da Vila de Ponta Negra, Idema, Semsur, Semurb, Aeronáutica e líderes comunitários do bairro de Ponta Negra.

Anterior

Empresa de telecomunicações tem 393 vagas de emprego em Natal e no interior

Próximo

Copom reduz Selic para 5,5% ao ano

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas